Os contratos de concessão da IGUÁ possuem, em sua grande maioria, prazos de vigência de 30 anos. Os projetos nesse setor têm um prazo estimado médio de investimento intensivo de 5 anos, após o qual a maioria ou praticamente a totalidade desse investimento já foi realizado e passa a apresentar uma maior rentabilidade. Considerando que a maior parte dos contratos está em fase intermediária de investimento intensivo, o período de maior geração de caixa ainda não foi atingido.

voltar

topo